Reunião Conversando com a Diretoria - 18/09/2019

 

Nesta reunião conversando com a Diretoria, no dia 18/09/2019, o Presidente Newton Pardelhas de Barcellos cumprimentou a todos, falou que o Vice-Presidente, Antoci Neto de Almeida comentará sobre a apresentação do resultado do balanço da FUNCEF entre outras notícias. Passou a palavra ao Vice-Presidente.

Antoci cumprimentou a todos, comunicou aos presentes sobre a alteração de data da reunião do Saúde Caixa, que foi transferida para o dia 03/10/2019, leu a pauta proposta pela Patricia Gernehr Froener, representante do Saúde Caixa, que propõe falar sobre o Histórico do Saúde CAIXA, Números de 2018, Atendimento: Melhorias na Experiência do Beneficiário, Aprovação da DRE gerencial e reconhecimento do superávit 2004-2018. Reforçou novamente o convite para a Assembleia Geral Extraordinária, que vai ocorrer no dia 26/09/2019, com primeira chamada às 13h, segunda chamada às 13h30 e última chamada às 14h. Esta Assembleia contará com a presença do Diretor de Benefícios da FUNCEF, Délvio Joaquim Lopes de Brito.

Antoci comentou com os presentes sobre questionamentos a ser feitos com o Diretor da FUNCEF, inclusive referente ao limite de idade que o “Cred Plan” opera, onde atualmente é 75 anos. Comentou que precisamos mostrar que estamos interessados nos assuntos que se referem aos aposentados. Explanou os gráficos disponibilizados no site da FUNCEF pcom os resultados do balanço do primeiro semestre.

Balanço disponível no site da AGEA e no link a seguir - https://www.funcef.com.br/noticias/rentabilidade-consolidada-supera-meta-no-1-semestre.htm

Leu aos presentes as seguintes notícias que circulam na mídia nessa semana.

 

NOTÍCIA FENAE

 

Há 10 meses na promessa de rever equacionamento, FUNCEF divulga resultados do semestre - Participantes continuam sem definição sobre a revisão do valor pago mensalmente, mesmo a FUNCEF tendo autorização legal para fazer isso. Há 10 meses, a FUNCEF informou que estava realizando estudos internos e que logo se pronunciaria sobre a possibilidade de revisão do equacionamento, a partir da então recém-editada resolução 30, do Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC). Quase um ano depois, a fundação ainda não concluiu os estudos e não dá qualquer previsão.

(Leia a notícia na íntegra) https://www.fenae.org.br/portal/fenae-portal/noticias/ha-10-meses-na-promessa-de-rever-equacionamento-funcef-divulga-resultados-do-semestre.htm

 

NOTÍCIA PETROS

CNPC realiza segunda reunião do ano com participação de lideranças do governo - O Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC) realizou a segunda reunião de 2019 na quarta, 11 de setembro, em Brasília, com a participação de importantes lideranças do governo federal e do Ministério da Economia, como o Secretário de Política Econômica, Adolfo Sachsida, o Secretário de Previdência, Leonardo Rolim, o Subsecretário do Regime de Previdência Complementar, Paulo Valle, além do novo Diretor Superintendente da Previc, Lúcio Capelletto. A Superintendente da Susep, Solange Paiva participou na condição de convidada, entre outras autoridades. O sistema Abrapp, Sindapp e ICSS foi representado pelo Diretor Presidente, Luís Ricardo Marcondes Martins e pelo Diretor Presidente do Sindapp Jarbas António de Biagi.

“A Previdência Complementar Fechada voltou a ser prioridade para o governo. E a retomada dos trabalhos do CNPC é um fator importante para a discussão de temas estratégicos para nosso setor”, diz Luís Ricardo. Com o início do novo governo, o órgão não havia se reunido no primeiro semestre do ano e havia a expectativa para a retomada de seus trabalhos, que ocorreu no dia 25 de julho, com a primeira reunião do ano e a nomeação de seus novos integrantes.

(Leia a notícia na íntegra) https://www.discrepantes.com.br/2019/09/13/cnpc-realiza-segunda-reuniao-do-ano-com-participacao-de-liderancas-do-governo/

Desembargador suspende ação sobre rombo na Petros e FUNCEF – Decisão abre brecha para paralisar todas as investigações da Operação Greenfield, que apura prejuízo de ao menos R$ 54 bi. Uma decisão individual proferida na semana passada pelo desembargador Ney Bello, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), abriu brecha para paralisar todas as investigações da Operação Greenfield, que apura prejuízos de ao menos R$ 54 bilhões aos aposentados dos fundos de pensão de estatais, principalmente da Caixa Econômica Federal.

(Leia a notícia na íntegra) https://www.discrepantes.com.br/2019/09/17/desembargador-suspende-acao-sobre-rombo-na-petros-e-funcef/

 

FUNCEF – Resolução CNPC nº 30/2018 entra na fase de debate na Diretoria Executiva - Com a publicação da Resolução nº 30/2018, em dezembro do ano passado, abriu-se a possibilidade de os planos de equacionamento vigentes serem revistos a fim de ampliar seus prazos de vigência e, consequentemente, reduzir as alíquotas das contribuições extraordinárias cobradas. Tal revisão, também, permitiria a alteração da base de incidência dessas contribuições, com o objetivo de excluir dessa cobrança as parcelas referentes ao 13º salário/abono anual.

(Leia a notícia na íntegra) https://www.discrepantes.com.br/2019/09/13/funcef-resolucao-cnpc-no-30-2018-entra-na-fase-de-debate-na-diretoria-executiva/

 

NOTÍCIA AUDITORIA CIDADÃ (Whatsapp)

Dívida Pública da União Consumiu mais de R$ 1 trilhão de reais do orçamento – Apenas em 2018, 40,66% de todo o orçamento Geral da União foi destinado para os encargos financeiros da dívida pública. Dados divulgados pela Auditoria cidadã, movimento social que congrega diversas entidades sindicais, mostram o tamanho do rombo financeiro que a nação brasileira paga juros e amortizações da dívida pública da União para engordar os bancos e demais credores, nacionais e internacionais.

(Veja a notícia na íntegra) https://auditoriacidada.org.br/wp-content/uploads/2019/02/grafico-2018.pdf

Antoci disponibilizou cópias das notícias aos interessados.

Jesus de Moura Estery fez duas referências, agradecendo o período de Presidência do Sergio Atair dos Santos, colocou que sentiu muito a ausência do mesmo. Aproveitou para dar boas vindas ao atual Presidente da AGEA, Newton Pardelhas de Barcellos e disse ter uma boa expectativa com as mudanças ocorridas com essas mudanças na Diretoria da AGEA.

Newton agradeceu os comentários do associado e falou que vai dar continuidade ao trabalho iniciado pelo Sergio.

Pedro Marchiori trouxe o informativo da AGEA, apontou os anúncios que citam os participantes e questionou qual a real situação da FUNCEF e SAÙDE CAIXA. Comentou sobre a situação dos aposentados, onde a classe está sendo extremamente desrespeitada.

Regina Benincá trouxe informações sobre a situação de cerca de 1800 colaboradores que já tinham uma rotina e desempenhava seu trabalho com seriedade na área da Saúde no Estado. Os empregados serão demitidos. Infelizmente, essa questão foi aprovada pelo STF, para terceirizar o serviço. Lamentou pelo acontecimento.

Às 16h20, o Vice-Presidente da AGEA, Antoci Neto de Almeida agradeceu a presença de todos e encerrou mais uma Reunião Conversando com a Diretoria.